Sua empresa ainda não tem um funil de vendas para e-commerce bem claro? Não sabe identificar suas etapas e gatilhos? Não se preocupe caso ainda não saiba responder estas perguntas.

Preparamos este post justamente para elucidar essas e outras questões relacionadas ao seu e-commerce. Aqui vamos conceituar e apresentar a importância de utilizar um funil de vendas nas suas operações. Acompanhe!

O que é funil de vendas?

Vamos começar, entendendo o que é o funil de vendas. Ele é o modelo que representa o caminho percorrido pelos clientes desde o primeiro contato que teve com a marca até a finalização da compra. 

O intuito neste caso é mapear as etapas que o cliente passou, para assim definir as estratégias e ações realizadas em cada uma delas, criando o ambiente propício para que os consumidores concluam a ação de compra.

Para que serve o funil de vendas para e-commerce?

O funil de vendas serve para que o lojista entenda o processo que leva o cliente até a finalização da compra em seu e-commerce. Esse processo também ajuda o empreendedor a mensurar a performance de seu negócio, identificando os pontos de atrito e os pontos onde suas ações de marketing estão gerando resultados. 

Ter um funil de vendas para e-commerce bem estruturado, garante que o consumidor seja melhor atendido pela sua marca, pois através desta análise, é possível perceber melhor as dores, motivações e necessidades de seu público-alvo. 

Quais os benefícios do funil de vendas para e-commerce?

Conhecendo a jornada de seus clientes através de sua loja virtual, é possível guiá-los melhor em direção à finalização da compra. E isso, claro, pode aumentar o volume de vendas de seu negócio, o que pode ser considerado o principal benefício de estabelecer um funil de vendas para e-commerce. 

Além disso, é importante destacarmos também no que diz respeito à melhoria na qualidade do atendimento aos clientes. Entendendo – e estabelecendo – quais os caminhos dos consumidores até o fechamento da compra em sua loja virtual, você consegue visualizar melhor quais são as etapas que levam o usuário a comprar, dessa forma, organizar melhores estratégias de atração e conversão para seu negócio. 

Como funciona o funil de vendas no e-commerce?

O funil apresenta 4 etapas e o principal para seu negócio é entender como elas funcionam e conectá-las umas às outras. Estando elas ligadas, a eficiência das operações se torna maior, fazendo com que o consumidor siga a sua jornada da forma mais natural possível. As etapas são:

Etapa 1:  Aprendizado e descoberta

É o momento em que o consumidor ainda não conhece a marca, pois ele sequer tem ciência que tem à frente um problema que precisa ser resolvido ou uma oportunidade de negócio. O produto ou serviço oferecido pela empresa deve despertar o interesse do público, fazendo com que ele perceba o problema/oportunidade.

Etapa 2: Reconhecimento do problema

Nessa fase o comprador já conseguiu identificar o problema ou oportunidade, toma ciência dele e procura saber sobre suas possíveis soluções.

Etapa 3: Consideração da solução

Nesta etapa o consumidor já tomou ciência de algumas soluções e começa a ponderar sobre quais alternativas pode adquirir. É necessário que o negócio procure meios para criar um senso de urgência nesta fase do funil, assim o consumidor se empenhará mais para resolver a questão.

Etapa 4: Decisão de compra

Aqui o consumidor está comparando as opções disponíveis, pesquisando qual a mais interessante para ele. É fundamental ressaltar os diferenciais do seu produto/serviço.

Como otimizar a jornada de compra do cliente?

Em linhas gerais, quando o negócio conhece a jornada de compra do cliente e os principais pontos de interesse, consegue planejar estratégias que possam cobrir as falhas, qualificar o cliente e diminuir o ciclo de venda.

Trabalhar com o funil de vendas para e-commerce permite que diferentes áreas, como comunicação e vendas, atuem de forma alinhada, aumentando a eficiência de processos, em especial a aquisição de clientes. O negócio pode, por exemplo, automatizar processos e gerenciar taxas de conversão.

Ofereça o conteúdo certo na hora certa

A melhor forma de apresentar sua marca de maneira eficaz e assertiva para um cliente em potencial, é oferecer o conteúdo certo, na hora certa. Isso significa estudar muito bem seu público-alvo para criar anúncios e ofertas que o impactem positivamente. 

Ao iniciar seu e-commerce, você já definiu e percebeu quem é o público-alvo de seus produtos ou serviços. Passada essa parte, chega o momento de impactar esses consumidores com a sua marca e, para causar tal impacto, são necessárias algumas estratégias de marketing digital para criar os anúncios que chegarão até esses potenciais clientes. 

Apresentando o produto certo, na hora certa, automaticamente, você está encaminhando o consumidor para a primeira etapa do funil de vendas para e-commerce. 

Invista em ações pós-venda

Pois bem, suponhamos que seu cliente já tenha percorrido toda a jornada de compras da maneira esperada e, finalmente, foi concretizada a venda. Isso não significa de maneira nenhuma que o trabalho de sua loja acabou, pelo contrário. 

Angariar um novo cliente deve ser visto como apenas o começo da construção de sua marca no mercado. Pois, uma vez que este cliente não tenha uma experiência satisfatória com a sua empresa, muito provavelmente pode vir a se tornar um cliente detrator de sua marca, além do fato de não voltar a comprar de você. 

O funil de vendas para e-commerce termina na compra efetivada, mas a estruturação de sua loja virtual vai além. Invista em ações pós-venda que tenham o intuito de fidelizar aquele cliente, tanto para comprar novamente em sua loja, quanto para promover sua marca para o mercado. 

Otimize a página de produto

Uma página otimizada é aquela onde o cliente consegue, pelo menos, a maioria das informações que precisa para efetuar a compra, quando não todas elas. Neste sentido, é importante ter em mente que o ideal é que o cliente saia da página do produto apenas em direção à página do carrinho e, em seguida, para o checkout. 

Caso esse cliente não consiga todas as informações que precisa a respeito daquele item, é provável que ele precise sair da página do produto para buscá-las, e isso pode desmotivá-lo da compra. 

Portanto, publique boas fotos, uma descrição completa sobre as características e benefícios do produto, um acesso para a área de atendimento e informações claras a respeito do frete, campanhas de desconto e quaisquer outras vantagens atreladas àquele item. 

Otimize o carrinho

Assim como ocorre na página do produto, na página do carrinho, a ideia também é que o cliente saia direto para o checkout ou então, para adicionar novos produtos. Caso ele fique perdido sobre como seguir para o checkout ou voltar para a loja e procurar mais itens, existe também o risco de o cliente abandonar o carrinho e partir para a concorrência. 

Deixe a página do carrinho clara e com as instruções de sequência bem definidas. 

Otimize o checkout

O checkout é a última página que o cliente visita em sua loja virtual antes de efetivar a compra, portanto, aqui devem estar absolutamente todas as informações acerca da negociação e as formas de pagamento. 

É inadmissível que, nesta etapa, o cliente não consiga efetivar a compra por conta de alguma falha de layout ou configuração que o deixe confuso e sem saber como proceder. 

Além disso, procure também disponibilizar a maior quantidade possível de formas de pagamento, para que o cliente não cogite desistir da compra. 

Porque mensurar os resultados usando o funil de vendas?

Empregar o funil de vendas para e-commerce, possibilita que os gestores meçam e avaliem seus resultados conforme cada etapa. O marketing digital oferece ferramentas de avaliação e esse é o segredo para obter bons resultados, uma vez que é possível fazer os ajustes sempre que o desempenho for abaixo do esperado.

Uma das principais vantagens do funil de vendas é a de criar conteúdo de acordo com a etapa em que o consumidor está, o que estreita a relação com a marca e possibilita que ela ofereça soluções mais assertivas.

Gostou do que leu? Esperamos que nosso artigo possa ter ajudado a entender melhor o que é e por que estabelecer um funil de vendas para e-commerce em sua loja virtual! Aproveite e leia também este outro artigo sobre o funcionamento de uma loja virtual e o que espera o seu cliente.