Você sabe o poder que o Facebook Watch possui nas redes sociais na atualidade? Denominadas como sendo meios de comunicação instantânea e entretenimento, as redes sociais foram desenvolvidas a partir da ascensão e popularização da internet, que forneceu um espaço para que as plataformas fossem cada vez mais  ocupadas por usuários. 

Atualmente, existem redes sociais focadas em inúmeras áreas, desde apenas conteúdos audiovisuais para diversão, até as que são focadas em setores de empregabilidade, entre outros. 

As redes sociais são criadas e desenvolvidas por pessoas anônimas que  tornam-se profissionais, focados para que sua plataforma atenda as mais  diversas necessidades e desejos dos usuários, devido à isso, estão em  constantes adaptações, tanto pela competição em acessos e engajamento, tanto  para gerar mais funcionalidades abrangendo seu posicionamento para o  marketing digital. 

Ou seja, as redes sociais vão além do chat, comentários e diversão, tornam-se canais de marketing digital, publicidade e engajamento de empresas, lojas, profissionais, famosos, marcas, entre outros. 

O Facebook é um grande exemplo de rede social que passou por mudanças e desenvolvimentos, visto que seu criador e programador Mark Zuckerberg em cada atualização da plataforma, fornece novas funcionalidades que pretendem competir com outros canais de marketing e publicidade. 

Oferecendo desde funções gratuitas para a promoção de empresas, marcas ou  produtos (de forma orgânica), até a possibilidade de investir financeiramente. Assim como o foco de visualizações do público passou a ser a internet, o foco  do marketing acompanha o público, pois afinal, o público é também consumidor. 

Como funciona o marketing digital na internet? 

O marketing é uma denominação para o desenvolvimento de planejamento, estratégias e organização de publicidades focadas em engajar acessos, vendas e conquistar novos consumidores, atingindo além do público-alvo, apesar de ser focado em um. 

O mesmo existe desde antes possuir essa denominação, o marketing é qualquer estratégia que tem como foco gerar mais vendas, mas sempre baseados em teorias, pesquisas e técnicas; podendo ser um trabalho oferecido por uma agência de marketing digital ou por um profissional.

As redes sociais como sendo um espaço de acessos diários, e que a todo  segundo possuem usuários presentes, desenvolveu possibilidades  primeiramente orgânicas de utilização como um canal de marketing digital. 

Com empresas, marcas e profissionais passando a estarem inseridas nas redes  sociais como perfis comuns, compartilhando conteúdos, publicidade,  promoções, propagandas e informações; que tornaram-se relevantes para os  usuários ao ponto de tornarem-se consumidores e amantes da  marca/empresa/profissional. 

Com os resultados e movimentações causadas pelas empresas e marcas  inseridas nas redes sociais, as próprias plataformas passaram a desenvolver  ferramentas e funcionalidades direcionadas para os perfis comerciais e  profissionais, como uma forma de diferenciar, oferecer benefícios e vantagens e  gerar um maior engajamento. 

O Facebook é uma das redes sociais que desenvolveu um espaço e ferramentas direcionadas para o comercial e profissional, entre elas, o Facebook Watch. 

O que é e qual a função do Facebook Watch? 

O Facebook Watch é uma ferramenta de conteúdos audiovisuais advinda da rede social Facebook, que é classificada como uma forma de atuar como  concorrente direto do Youtube, ou mesmo podendo ter semelhança com uma  “TV particular”. 

Sendo uma forma desenvolvida pelo criador do Facebook, Mark Zuckerberg, de disponibilizar um canal de criação de vídeos e conteúdos audiovisuais para qualquer indivíduo, inclusive, com foco em empresas e marcas. O Facebook Watch é um Youtube, só que do Facebook.

Para o Brasil, o Facebook Watch foi disponibilizado no ano de 2018,  estabelecendo um compilado de funções direcionadas para a criação de  conteúdos audiovisuais, ou seja, vídeos. 

Nele é possível postar vídeos sobre os mais variados temas, qualquer um pode realizar o cadastro, todo o seu acesso é gratuito e é possível também ser apenas um espectador. Basicamente é possível postar vídeos e também assisti-los, tudo gratuitamente, apenas dependendo de um cadastro como uma conta no Facebook. 

Como funciona o acesso do Facebook Watch? 

O Facebook Watch é uma ferramenta do próprio Facebook, para acessar,  basta primeiramente possuir uma conta de cadastro na rede social.  

Posteriormente, com o aplicativo atualizado, a funcionalidade “Watch” estará  disponível nas ferramentas da rede social, ao lado de outras configurações 

(“Salvos”, “Marketplace”, “Feed”, entre outros).

Com isso, ao acessar o Facebook Watch, todos os conteúdos de vídeos publicados por páginas e perfis, são inseridos nessa aba, prontos para reproduzir. 

Facebook Watch: como utilizar para divulgar produtos 

O método de funcionamento do Facebook Watch se assemelha ao do Youtube; o perfil cadastrado tem a opção de filtrar os vídeos que irá assistir e  principalmente as páginas/perfis que serão inseridos para reprodução no Watch.

É possível filtrar de maneira direta, no qual o próprio usuário determina o que vai ou não assistir, de acordo com as páginas que curte ou dos vídeos que salva (semelhante a uma playlist), ou mesmo de maneira indireta, no qual as curtidas e interações filtram conteúdos que tendem a agradar o usuário. 

E assim como pode ser utilizado como entretenimento, pode ser utilizado como um espaço de publicidade e marketing digital, basta conquistar os usuários  através das postagens. 

Para as empresas e marcas, é importante que já estejam inseridas no Facebook e utilizem-no como um constante canal de posts e publicações para os usuários e público-alvo, para que posteriormente os vídeos já obtenham um público interessado. Com isso, é o momento de planejar e criar os conteúdos.

Uma dica importante é obter uma visão de criação semelhante com o planejamento já existente para os demais posts, por isso é importante já ter uma frequência de publicações e de estratégias. 

O planejamento para as postagens no Watch pode ser inserido juntamente com os posts semanais, a fim de criar um compromisso com o usuário, para que o mesmo tenha a ansiedade em assistir e interagir com os vídeos. Sempre postados nos mesmos dias e horas. 

Os conteúdos devem ser interessantes, focados nas tendências e  principalmente nos produtos da empresa, como por exemplo: 

  • promoções;
  • modo e dicas de utilização;
  • benefícios;
  • criação dos produtos;
  • influenciadores utilizando o produto;
  • materiais utilizados;
  • curiosidades sobre a empresa;
  • a visão da  empresa com alguma causa ou posicionamento, entre outros.

Todos esses vídeos serão capazes de divulgar o produto, pois através das publicações, os usuários irão conhecê-lo e sentir o desejo em adquirir.  

Os vídeos devem ser extremamente visuais e chamativos, impulsionando  a visualização e também a interação, por exemplo, uma marca focada em  aromaterapia, posta um vídeo de tutorial de como usar um determinado óleo  essencial na aromaterapia, e ao fim do vídeo insere um questionamento: “Comente aqui qual a sua bioessencia favorita”. 

Esses “questionamentos” impulsionam a posição do consumidor em ser parte da empresa, em ter a sensação de uma inclusão, de partilhar sua visão, ter uma importância para a empresa.  

É importante sempre focar em conteúdos que sejam divertidos, interessantes e de certa forma acrescentem algo na vida do usuário. Nas redes sociais tudo funciona muito rápido, tudo é instantâneo e o público dá preferência naquilo que vai ser válido para assistir. 

Foque sempre no seu produto, na sua visão enquanto empresa e no que for novidade para o usuário. Tudo que chama atenção, é novo e interessante, conquista o público. Seja original.