Você já imaginou a possibilidade de monitorar as atividades que são realizadas por negócios que atuam no mesmo segmento que o seu? Essa é a intenção por trás da estratégia de fazer o benchmarking dos concorrentes!

Ainda que a ideia se pareça como uma espécie de pesquisa, o benchmarking vai além disso. Ele permite descobrir quais são as técnicas que funcionam para a concorrência; e melhorar essas abordagens, para colocá-las em prática no seu negócio.

Para entender melhor sobre o que significa essa metodologia e como tirar proveito dela com sucesso, continue lendo este post.

O que é o benchmarking e qual sua função?

Nada mais é do que uma estratégia de gerenciamento para aprimorar o desempenho das empresas, a fim de garantir um lugar de destaque perante os concorrentes. Esse resultado é obtido com base na aprendizagem das ações que deram certo em empreendimentos com públicos e serviços similares aos seus.

O benchmarking é feito há muito tempo, por negócios de diversos portes e tamanhos, para verificar como as mercadorias, processos de fabricação, marketing e logística se desempenham em relação aos mesmos produtos/serviços dos concorrentes.

Quais vantagens que podem ser obtidas ao fazer benchmarking?

  • identificar áreas que necessitam de mudanças e melhorias;
  • detectar ações de sucesso de empresas que já dominam um determinado assunto;
  • desenvolver novas habilidades para lidar com os clientes;
  • descobrir novas tendências e lançar novidades antes da concorrência;
  • coletar novas referências de negócios que trabalham na mesma área que a sua;
  • obter uma base sólida para planejar investimentos futuros;
  • criar estratégias para expandir o negócio.

Como fazer o bechmarking no e-commerce?

Defina os seus objetivos

O pontapé inicial do benchmarking é levantar os objetivos do seu e-commerce. Sem estabelecer qual é o intuito dessa prática, o processo de pesquisa e definição de quais atitudes devem ser tomadas após a coleta de informações será afetado.

Por isso, determine quais fatores deverão ser melhorados a partir dessa metodologia — por exemplo, a qualidade do atendimento ao cliente —, defina a melhor mídia social para divulgar os produtos e a frequência de disparos de e-mail marketing.

Conheça a sua concorrência

Para isso, é preciso fazer uma pesquisa sobre quais lojas virtuais fazem parte da sua concorrência. Aqui, é importante considerar negócios que oferecem produtos iguais (ou equivalentes) e que possuem perfis de clientes semelhantes.

Escolha aqueles que estão no topo do seu segmento. Por meio deles, você conseguirá detectar quais foram os cases de sucesso que contribuíram com o desenvolvimento e melhoria da marca no mercado.

Selecione até três concorrentes para observar

Depois de fazer o levantamento das empresas, escolha até três estabelecimentos para observar, priorizando por aqueles que contam com qualidades diferenciadas entre si. Ao fazer isso, você obterá um mix de características bastante valioso.

Colete as informações relevantes para o seu negócio

Faça uma busca de todos os dados relevantes para que o seu monitoramento da concorrência esteja completo. Como estamos falando do segmento de e-commerce, o ideal é analisar fatores que remetam à internet, como:

  • presença nas mídias sociais;
  • linguagem utilizada;
  • ranqueamento nas páginas de busca do Google;
  • frequência de postagens;
  • técnicas de marketing de conteúdo;
  • importância dos materiais publicados;
  • reação do público com as postagens.

Faça uma filtragem das referências obtidas

Muitas informações são coletadas após o benchmarking, por isso, é fundamental “peneirá-las” e escolher quais são as mais convenientes para o seu negócio.

Portanto, elabore um relatório para registrar as conclusões, oportunidades viáveis e possíveis riscos, a fim de aperfeiçoar a procura por melhores rendimentos para o seu e-commerce. Dessa forma, você conseguirá compreender com exatidão quais ações devem ser realizadas e quais devem ser eliminadas.

E então, os assuntos abordados nesse post foram suficientes para você compreender o que é benchmarking? Se você colocá-los em prática no gerenciamento da sua loja virtual, certamente conseguirá melhores resultados em vendas.

Gostou deste conteúdo? Aproveite o campo de comentários abaixo para fazer perguntas ou sugestões sobre o tema!