O comércio eletrônico vem se tornando preferência de compra pelos brasileiros, em razão das facilidades de escolher os produtos, aproveitar os preços baixos e só aguardar a chegada. Por parte dos empreendedores, também tem deixado a administração mais fácil pela grande variedade de ferramentas de qualidades do e-commerce disponíveis no mercado.

Para medir sua audiência, por exemplo, pode ser usada uma ferramenta que faça o monitoramento desse tráfego dentro da própria loja virtual. Quer entender quais são os produtos mais acessados, mas que não são comprados? Um dispositivo poderá ajudá-lo nesse quesito.

Os indicadores são parte fundamental na gestão de qualquer negócio e será sobre isso que falaremos em nosso artigo. Confira quais são as 4 principais ferramentas de qualidades do e-commerce:

1. Google Analytics

Com uma loja virtual, é necessário ficar atento a todas as ações que seus visitantes fazem em seu site: entender por qual página o usuário entrou em seu site, por qual ele abandonou sua loja e se, de fato, executou alguma ação. Esses são alguns dos milhares de detalhes que podem fornecer insights, além de serem excelentes indicadores de performance.

O Analytics, ferramenta de monitoramento e análise de aplicativos e sites, que é a mais utilizada no mundo, possibilita ter todos esses dados organizados e de fácil acesso. Além disso, é possível acompanhar como está o andamento das campanhas pagas.

Essa plataforma permite entender a origem real do usuário, se ele veio de alguma página de uma rede social, se foi por meio de um link patrocinado, blog etc.

2. SEMRush

Quem trabalha no ambiente digital sabe da importância de se ter um bom posicionamento nos mecanismos de busca — Google, Yahoo, Bing, entre outros. Por isso, o SEO se torna um grande aliado para ser encontrado pelos usuários.

Para o usuário, basta digitar a palavra-chave que o próprio buscador já fornece uma série de resultados para a sua pesquisa. Já para o empreendedor, é preciso saber quais são os termos mais utilizados pelos consumidores. E como encontrar as melhores sentenças? A resposta pode ser utilizando uma solução: SEMRush.

Essa ferramenta nada mais é do que uma plataforma que faz uma análise detalhada sobre uma determinada palavra. Com ela, é possível saber quantas pesquisas são feitas em média por esse termo, se a concorrência é grande e mais uma série de fatores.

3. Mobile Test Me

Já não é mais segredo para ninguém que o uso dos smartphones está ficando cada vez maior com o passar dos anos. Por isso, é preciso saber se, de fato, o seu e-commerce está preparado para ser exibido nos mais variados tamanhos de tela disponíveis no mercado.

Hoje, já é inaceitável que uma página não entregue uma experiência boa de uso, com visibilidade das informações e velocidade de carregamento. Portanto, o seu e-commerce precisa ser otimizado para essas novas ferramentas.

Basicamente, o Mobile Teste Me realizará uma checagem, verificando se todos os requisitos necessários para o bom funcionamento em dispositivos móveis estão dentro do ideal. Se for constatado algum problema, a própria solução falará como resolver.

4. Unbounce

Com o avanço tecnológico e as mudanças nos hábitos dos consumidores, é necessário que as empresas fiquem atentas para não se tornarem obsoletas. Ademais, há a grande e pesada concorrência que pode ser vista em praticamente qualquer nicho de mercado.

Com isso, testes precisam ser executados para entender melhor o que o seu cliente busca de fato e, consequentemente, gerar a primeira venda ou aumentá-las. Os testes A/B, que consistem em ter a mesma oferta exibida de maneiras diferentes, são uma boa forma de não ficar para trás.

A ferramenta que permitirá realizar esse processo é a Unbounce. Essa solução é item imprescindível para qualquer e-commerce.

As ferramentas são excelentes para medir as qualidades do e-commerce e são grandes aliadas de todos os empreendedores. Por meio delas, você conseguirá entender ainda mais o seu consumidor, além de medir como anda a saúde do seu negócio.

Gostou do nosso texto e quer ficar ainda mais atualizado? Basta nos seguir nas redes sociais: Facebook, Twitter, LinkedIn, YouTube e Instagram.