Você já deve ter tido contato com algum link patrocinado, certo? Atualmente isso é corriqueiro. Todos os dias, utilizamos a internet para conseguir informações sobre produtos, serviços e pessoas. Com isso, as empresas estão, cada vez mais, investindo em anúncios pagos que não interrompam os usuários em sua navegação, mas os ajudem a encontrar suas páginas e serviços.

Se seu negócio precisa de resultados rápidos e eficientes, você não pode deixar de ler este artigo. Vamos esclarecer o que são, quais as vantagens e como começar um investimento em links patrocinados. E, se um deles trouxe você até aqui, sorte nossa! Você já tem um bom exemplo de que a estratégia funciona!

O que são links patrocinados?

São anúncios em formato de texto localizados, normalmente, nos mecanismos de buscas da internet, como Google, Yahoo ou Bing. A ferramenta mais usada atualmente é o Google AdWords. Com o seu grande alcance e números de pesquisas diárias, ela cumpre a sua função e traz excepcionais resultados.

Mas não é só nos buscadores que podemos encontrar links patrocinados. Cada vez mais eles são usados nas redes sociais. 

Normalmente, eles são separados em:

  • CPM (custo por mil impressões) — quando totalizadas mil visualizações do anúncio, o anunciante pagará o valor estabelecido;
  • CPA (custo por ação) — nessa categoria de anúncio só será recolhido o valor quando o usuário realizar uma ação específica, como baixar um ebook, por exemplo;
  • CPV (custo por visualização) — a cada indivíduo que vir o anúncio, o valor acordado será pago.
  • CPC (custo por clique) — a cada clique que o anúncio ganhar, o anunciante pagará;

O valor determinado dependerá das palavras-chave escolhidas, com suas vantagens e características.

Quais são as principais vantagens?

Uma vez compreendido o que são links patrocinados, falaremos sobre as vantagens de se investir nesse instrumento de divulgação tão essencial. Saiba quais são as principais:

Segmentação precisa

Digamos que seu e-commerce venda produtos específicos para o público otaku — consumidores ferrenhos de anime. As qualidades dessa audiência são bem mais específicas que os que consomem produtos considerados nerds.

O Google AdWords permite segmentar o seu público-alvo fundamentado na faixa etária, localização, vontades, entre outros.

Aumento das conversões

Recorda-se de como os links patrocinados são diferenciados por CPC, CPV, CPA e COM? Essas siglas serão suas aliadas em futuras campanhas. Por meio delas você será capaz de descobrir a melhor maneira de alcançar a finalidade definida no planejamento.

Como criar seus anúncios

Se chegou até aqui, certamente deve estar se questionando: como começar a criar os anúncios? Fique calmo, escalaremos a seguir como investir.

Sobretudo, é preciso lembrar que esses passos são para a criação de anúncios. Mas, é aconselhável conciliar outras estratégias, como otimizar o SEO do blog e do site, investir em táticas nas redes sociais, entre outros.

Quais os objetivos?

Recorda-se do exemplo do otaku, em que um e-commerce vendia produtos exclusivos para esse público? Com isso, compreendemos que algumas das finalidades são: aumentar o ticket médio, fortalecer ainda mais o relacionamento com esses consumidores ou aumentar o faturamento.

Com um exemplo verificamos pelo menos três objetivos. É importante averiguar junto ao setor de marketing qual é o detalhe essencial que precisa ser divulgado por meio dos links patrocinados. Feito isso, passaremos ao próximo passo.

Como escolher as palavras-chave?

Esse é um dos pontos que precisam de mais atenção dos anunciantes, pois será por meio dessas palavras que a sua empresa será descoberta. Com isso, a pesquisa deve ser feita de maneira integral para encontrar quais são as palavras-chave ideais para o seu anúncio.

A orientação é selecionar os conceitos que tenham um amplo volume de pesquisa mensal e baixa competição. Isso quer dizer que as chances de sucesso do anúncio serão mais amplas.

O Google AdWords permite que sejam escolhidas frases completas e não só palavras-chave. Isso fará com que o anúncio seja mostrado também para pesquisas singulares.

Investir em links patrocinados pode ser um aliado para a sua empresa. Mas a estratégia necessita de preparação e instrução para não se transformar em um inimigo para o seu negócio.

Gostou do nosso texto e quer ficar ainda mais informado? Assine a nossa newsletter, sempre cheia de novidades para você!