Nos últimos anos, a preocupação com o meio ambiente e os impactos que uma produção desenfreada pode causar, virou um dos principais assuntos a serem debatidos, principalmente entre o público mais jovem, que possui uma consciência ambiental maior.

Todo esse debate acerca da saúde ambiental, fez com que várias pessoas mudassem a forma que consomem seus produtos, preferindo diminuir a compra de objetos e sendo mais minimalista, ou priorizando marcas que são mais sustentáveis na sua produção e conseguem gerar menos lixo.

Nesse cenário nasceu a logística reversa, que é uma forma de diminuir a quantidade de lixo gerado pelas empresas, e que acabou crescendo por conta de legislações ambientais criadas recentemente.

Neste artigo, você vai conhecer mais sobre a logística reversa, qual o objetivo dela, como funciona e que tipo de benefícios a sua loja virtual ganha ao introduzir essa forma de logística no transporte dos seus pedidos!

O que é logística reversa?

A logística reversa é uma solução criada para diminuir o lixo gerado pelas empresas e ajudar o meio ambiente. Ela beneficia muito a sociedade como um todo, pois ajuda para que o meio ambiente fique mais saudável.

Nas lojas virtuais a logística reversa é aplicada quando o consumidor solicita uma troca, devolução ou descarte de um produto ou embalagem. Nesses cenários, podemos utilizar a logística reversa para causar menos impactos à natureza.

A logística reversa é geralmente aplicada ao utilizar o material do produto devolvido, ou da embalagem descartada para produzir outros produtos, e assim reaproveitar a matéria-prima. Mas as empresas também podem otimizar a sustentabilidade com outras práticas dentro da logística reversa como, por exemplo, utilizar veículos que não emitam gases poluentes.

Além de ajudar com a questão do meio ambiente, a logística reversa quando é aplicada de forma estratégica, consegue fazer com que os custos envolvidos na etapa de troca e devolução de produtos seja menor. Pesquisas da Invesp mostram que 30% dos produtos vendidos são devolvidos, e segundo o Conselho de Logística Reversa do Brasil, o retorno dos produtos podem chegar a 5% do faturamento da loja virtual.

Por conta disso, é essencial que todo comerciante desenvolva políticas claras sobre a troca de produtos e a logística reversa utilizada, pois isso pode auxiliar o negócio a economizar nos custos, além de ajudar o meio ambiente.

Qual é o principal objetivo da logística reversa?

A logística reversa vai ter um objetivo diferente para cada área. No setor empresarial, ela terá como objetivo enfrentar o retorno de produtos e embalagens para as lojas virtuais, de forma que cause economia na operação e sustentabilidade.

Já no setor mais ecológico, a logística reversa tem como objetivo diminuir o impacto ambiental causado pela poluição que é gerada nas atividades empresariais. 

O conceito de logística reversa ganhou força no Brasil quando foi publicada a Política Nacional de Resíduos Sólidos a partir da Lei nº 12.305/2010. Nessa lei, foi definido um acordo entre as empresas que fabricam, importam, distribuem e comercializam produtos para que elas compartilhassem a responsabilidade de possíveis consequências que o ciclo de vida dos produtos causem no meio ambiente

Dessa forma, as empresas devem desenvolver ações que reduzam o volume de lixo gerado pela sua produção, diminuindo assim os impactos ao meio ambiente e à vida humana. Entretanto, por mais que ela seja opcional para algumas empresas, têm produtos específicos onde a implantação de uma logística reversa é obrigatória e de extrema importância, como:

  • Pneus;
  • Agrotóxicos;
  • Pilhas e baterias;
  • Resíduos e embalagens de óleos lubrificantes;
  • Produtos eletroeletrônicos e seus componentes;
  • Lâmpadas fluorescentes, de mercúrio, vapor de sódio e luz mista.

Portanto, se a sua loja virtual faz parte de um desses setores, e realiza a comercialização desses produtos, a logística reversa é algo que você deve implantar no seu negócio para diminuir o impacto ambiental.

Dessa forma, é importante que a empresa pense em todas as etapas do ciclo de vida do seu produto, e tente produzi-lo utilizando materiais mais sustentáveis que facilitem a reciclagem e garantam uma geração menor de lixo.

Como funciona a logística reversa?

Para aplicar a logística reversa na sua loja virtual, é importante conhecer as etapas que esse processo leva, para que você possa considerá-los no momento da implantação.

A logística reversa tem três etapas básicas para serem seguidas, e elas envolvem o seu consumidor, sua loja e o fabricante, importador ou distribuidor do produto em si. A seguir você conhece mais sobre elas.

1. O consumidor devolve o produto ao lojista

Tudo começa a partir do momento em que o seu cliente faz a devolução, troca ou descarte do produto ou a sua embalagem em algum lixo. A partir daí, a logística reversa já começa a ser aplicada, onde o produto ou a embalagem precisa fazer o caminho de volta ao lojista.

2. O lojista envia o produto para o fabricante

Depois que o cliente devolveu o produto, ele deve seguir seu caminho de volta ao lojista, que deverá enviar o produto ou a embalagem de volta ao fabricante, importador ou distribuidor do produto em questão.

3. O fabricante encaminha o produto para reuso

Com o produto nas mãos de quem o produziu, ele poderá ser enviado para reuso, reciclagem ou ao descarte adequado do produto, de forma que não cause mais impactos prejudiciais ao meio ambiente.

Essas etapas podem ser aplicadas tanto no pós-venda, que é quando o consumidor faz a devolução ou troca do produto, fazendo com que ele tenha pouco ou nenhum uso sendo assim facilmente reutilizado, ou no pós-consumo, que é quando o cliente descartar o produto ou embalagem após ter consumido ou quando sua validade chega ao fim.

Quais são as vantagens da logística reversa na loja virtual?

Além de ficar de acordo com a lei e cooperar para um meio ambiente mais saudável com pouca poluição, a sua loja virtual pode ganhar outros benefícios ao implantar a logística reversa no momento de comercializar os produtos!

Com ela o negócio pode se beneficiar reduzindo custos nas operações de troca e devolução de produtos, além de ajudar a aumentar seu faturamento, pois vai atingir novos públicos que podem virar seus clientes.

A seguir mostramos com mais detalhes as principais vantagens da aplicação da logística reversa nas lojas virtuais.

Reduz os custos

A primeira grande vantagem está na redução de custos envolvidos nas operações de troca e devolução de produtos, que podem ser pensadas para receber aplicações diferentes. Além disso, a produção de novos produtos pode ficar mais econômica, pois o fabricante poderá reutilizar a matéria-prima de produtos que foram devolvidos para fabricar novas mercadorias. Isso ajuda para que o comerciante consiga preços melhores do seu fornecedor.

Aprimora o processo de produção

Por conta das diretrizes relacionadas ao tratamento de resíduos e adaptação da produção, é possível otimizar o processo de fabricação de novos produtos, onde podemos pensar na utilização de matéria-prima que seja mais sustentável, como as reutilizadas depois da devolução, e que permita que as etapas de produção sejam diminuídas.

Atrai consumidores mais conscientes

Todas as lojas virtuais precisam trabalhar com a prospecção de novos clientes, e as ações internas que elas fazem podem contribuir para que seja possível atrair pessoas para a sua loja virtual, que querem consumir de marcas mais sustentáveis.

Como implementar na loja virtual?

Para implantar a logística reversa na loja virtual é preciso, antes de tudo, mudar um pouco a mentalidade sobre essa prática. Muitas empresas a consideram como algo negativo, um trabalho a mais a ser feito quando, na verdade, é ela que pode garantir que o seu negócio continue operando no futuro.

A logística reversa é um investimento de longo prazo que você estará implantando no seu negócio e na sociedade em que está inserido, fazendo com que a sua loja virtual consiga sobreviver às adversidades do ambiente.

Com a mentalidade certa, é possível iniciar a aplicação da logística reversa. O primeiro passo que o lojista deve dar é mapear todo o ciclo de vida do produto que você comercializa, e analisar em quais pontos ele pode trazer um impacto maior no meio ambiente.

Com o ciclo de vida mapeado, você deve conversar com seu fornecedor, fabricante ou importador para saber que medidas eles utilizam hoje que estão aliadas às práticas de logística reversa, e caso não esteja realizando nada no momento vale a pena perguntar se isso será implantado no futuro. Caso não, pode ser melhor procurar por outros parceiros que permitam que a sua loja virtual tenha a logística reversa.

Após ter conversado com seus parceiros ou encontrado o ideal para a sua loja, chegou o momento de alterar a sua política de devolução de produtos, e adicionar informações claras sobre as condições de troca e devolução de mercadorias, para que fiquem de acordo com a logística reversa da sua loja virtual.

Com tudo isso feito resta esperar para ver os resultados dessa implantação, além de divulgar que a sua loja está realizando uma ação sustentável para o meio ambiente.

Quais transportadoras oferecem esse serviço?

Um ponto crucial para a sua logística reversa funcionar, é trabalhar ao lado das transportadoras que realizam esse tipo de logística e possam ser facilmente integradas à plataforma da loja virtual.

A Kangu, plataforma de envios que pensa em soluções inteligentes para o envios de encomendas, criou o serviço de Reversa. Com apenas um clique, o lojista que usa a Kangu pode também fazer trocas e devoluções de forma fácil, tranquila e sem pesar o bolso.

E para utilizar o serviço, é bem simples: no site da Kangu, o vendedor gera uma etiqueta que será enviada ao consumidor final. E é nessa etiqueta que terá informações como onde postar e destino final do pacote. Além disso, na encomenda, deve conter a Declaração de Conteúdo ou Nota Fiscal.

O cliente, então, se dirige a um Ponto Kangu – que são estabelecimentos comerciais parceiros treinados e capacitados – bem próximo a ele para despachar o pacote. Para o vendedor, o frete sai mais em conta e o cliente não pega filas. Uma situação em que todos ganham, não é mesmo?

Além de logística reversa, a Kangu ainda oferece outros serviços para facilitar a vida do empreendedor. A plataforma de envios possui parceria com transportadoras como Total Express, Loggi, Buslog, incluindo Correios, e possibilita fretes até 75% mais baratos para que você possa fazer a postagem de seus pacotes. 

O ponto positivo disso é que quando você monta a sua loja virtual no Simplo 7, você pode usufruir de diversas integrações com transportadoras que fazem logística reversa, como a Kangu, que permitem que a sua loja tenha uma logística mais sustentável!

Se você quer crescer no mercado e oferecer a logística reversa, é só vir para o Simplo 7 que oferecemos a você os recursos necessários para evoluir seu negócio!