Se você está pensando em começar a trabalhar com vendas pela internet, este artigo é para você! Neste material estão disponíveis todas as informações que você precisa sobre plataforma de e-commerce, além de apresentar quais são os recursos que você deve exigir ao escolher a sua. 

Fique conosco até o final e descubra o que uma boa plataforma de loja virtual precisa oferecer para que seu comércio online cresça sólido e organizado!

Quais as vantagens e desvantagens de um E-commerce?

O e-commerce funciona de maneira totalmente diferente do comércio de rua tradicional. E, por isso mesmo, apresenta características que podem ser lidas tanto como vantagens, quanto como desvantagens para alguns empreendedores, dependendo do tipo de negócio que estão iniciando. 

Por isso, a seguir, elencamos as principais vantagens e desvantagens do e-commerce, para que os futuros empreendedores consigam identificá-las e saber como melhor adequar seu modelo de negócios. 

Vantagens

A começar pelas vantagens, a principal delas pode ser considerada o fato de que a loja virtual não tem horário de funcionamento pré-estabelecido como as lojas físicas. Desta forma, não existem restrições de funcionamento para realização das vendas

Como o e-commerce funciona 24h por dia e 7 dias por semana, as vendas também podem ocorrer a qualquer momento. 

Outra principal vantagem do e-commerce está em sua abrangência. Vendendo pela internet, é possível alcançar muito mais consumidores do que aqueles que estejam nos arredores da loja física, por exemplo. 

Através da internet é possível atender a clientes de outros estados ou, até mesmo, de outros países, a depender da estrutura de seu negócio

Desvantagens

Como quaisquer outras modalidades de negócio, o e-commerce também apresenta algumas desvantagens a serem contornadas pelos empreendedores. 

A primeira delas é o outro lado da vantagem que apresentamos no tópico anterior: a alta abrangência. Justamente por ter longo alcance, a internet também apresenta uma enorme concorrência, em praticamente todos os nichos de mercado praticados.

Essa pode ser uma desvantagem a ser considerada, mas perfeitamente contornável através de estratégias de marketing digital eficazes, um bom planejamento de negócios e estudo de seu público-alvo. 

Outra desvantagem do e-commerce, é a ausência de vendedores. Apesar desse fator ajudar o empreendedor a reduzir os custos da empresa, sem uma figura de auxílio, algumas vendas podem ser perdidas caso os clientes tenham alguma dúvida. 

No entanto, esse fator também pode ser readequado, através de uma plataforma de e-commerce que apresente as funções necessárias para guiar o consumidor através da jornada de compra.  

O que considerar para escolher uma plataforma de e-commerce?

Conforme pudemos perceber no tópico anterior, é correto dizer que nas vendas online, a plataforma de e-commerce é equivalente a um substituto da figura do vendedor. 

Sendo assim, existem diversos fatores a serem considerados quando o empreendedor busca por uma plataforma que atenda às necessidades de seu negócio e ofereça uma boa experiência para os clientes. Acompanhe os principais deles a seguir: 

Estrutura pronta

Quando o empreendedor decide iniciar seu comércio online, ele tem duas opções para construir sua loja virtual: criar um site do zero ou alugar uma estrutura pronta, a qual ele possa apenas trabalhar na personalização adequada e já iniciar suas operações. 

Sem dúvidas, para os empreendedores iniciantes, a segunda opção é a mais vantajosa. Isso porque alugando uma plataforma de e-commerce com estrutura já pronta, fica muito mais simples organizar e adequar o site às necessidades de sua marca, de maneira rápida e sem precisar recorrer à programação de dados.

Sabemos que contratar uma equipe de TI para a construção de um site do zero, é um alto investimento e pode atrapalhar as finanças de um negócio em início de operação.  

Visual profissional

O fato de optar por uma plataforma de e-commerce que ofereça estrutura pronta não significa optar por uma estrutura amadora, em absoluto.

Uma boa plataforma de loja virtual, mesmo sendo já pronta, deve oferecer um visual profissional para o seu site, com bons recursos de personalização para que seu e-commerce mantenha a identidade visual e transpareça confiança para seus clientes. 

E esse fator é, de certa forma, simples de ser analisado. Ao pesquisar sobre sua plataforma, verifique outras lojas virtuais construídas pelo mesmo fornecedor e analise o visual oferecido. Escolha aquela que possuir o design e layout mais profissional.  

Meios de pagamento

Aqui é preciso também ter cautela ao escolher uma plataforma. Não se esqueça que é através de seu site que os clientes comprarão seus produtos e, claro, efetuarão pagamentos. 

Primeiramente, é preciso identificar quais são as formas de pagamento mais praticadas pela concorrência, bem como as que são preferidas por seu público-alvo. Uma vez que conseguiu compilar as preferências de seu público, é o momento de verificar se tais formas de pagamento são oferecidas pela plataforma com a qual deseja trabalhar. 

Quanto mais opções de pagamento a plataforma oferecer, melhor para seu e-commerce. Pois assim, você poderá sempre readequar os recursos conforme as necessidades de sua empresa, sem que seja preciso migrar de plataforma futuramente. 

Loja virtual com domínio próprio

Um site com domínio próprio é imprescindível para um e-commerce. A razão para isso é simples: na internet, o domínio de seu site é o endereço pelo qual os consumidores encontrarão sua marca. Caso este domínio seja semelhante a qualquer outro, ou então, muito confuso, isso pode arruinar a relevância de seu site para os buscadores. 

Verifique sempre se a plataforma de e-commerce que está pesquisando oferece a possibilidade de um domínio próprio para seu site e, caso não, evite a parceria e procure por outro fornecedor. 

O seu endereço web deve ser exclusivo, para que, desta forma, sua loja virtual seja encontrada pelos consumidores que pesquisam pelos produtos que você vende em buscadores como o Google, por exemplo. 

Integração com Marketplaces

Engana-se quem pensa que no e-commerce você deve atuar em apenas um canal de venda, pelo contrário. Uma das melhores estratégias de marketing e vendas, principalmente para os e-commerces iniciantes, é ampliar as opções de divulgação e atendimento. 

Por isso, uma boa plataforma de loja virtual deve oferecer integração com marketplaces. E isso ajuda o empreendedor de diversas formas. 

A começar que, com sua loja virtual integrada ao marketplace, você terá acesso aos dados e números de ambas as plataformas em um mesmo ambiente, o que auxilia muito no processo de gestão de vendas, entrega e estratégias.  

Toda e qualquer ferramenta de automação e integração deve ser sempre muito bem recebida pelo empreendedor digital, pois facilita muito sua rotina de administração. 

Logística

A logística também é parte fundamental do e-commerce. O consumidor pode encontrar sua loja virtual, gostar de sua oferta, efetuar a compra, mas, se não receber seu produto adequadamente, todos os processos anteriores terão sido arruinados.

No começo de suas operações, com poucas vendas, pode ser relativamente simples administrar a logística de seu e-commerce sem ferramentas de automação.  Porém, com o passar do tempo e o aumento das vendas, é praticamente impossível manter uma operação com bom funcionamento sem esse tipo de recurso. 

Optar por uma plataforma que seja integrada aos sistemas de logística e transporte, é essencial para manter sob controle essa área tão importante de sua empresa online. Tenha esse recurso também como prioridade ao pesquisar sua plataforma! 

Integrações

As integrações que uma plataforma de loja virtual deve oferecer, vão além da logística e meios de pagamento. Absolutamente todos os processos de gestão fazem parte da rotina de um e-commerce e, quanto mais opções de integração existirem, mais organizada e controlada essa rotina se torna. 

Você precisará contar com a ajuda de softwares de gestão, como ERPs por exemplo, que, estando integrados ao e-commerce, tornam-se valiosos aliados operacionais. 

Verifique se a plataforma que está pesquisando tem integração com sistemas de gestão e quais são os sistemas aceitos. Mais uma vez, quanto mais possibilidades de integração a plataforma oferecer, melhor para sua empresa

Desta forma, seu e-commerce estará abrigado em uma plataforma sempre compatível com quaisquer alterações operacionais que fizer. 

Canais de marketing

Conforme falamos anteriormente, a concorrência no ambiente virtual é massiva. Por isso, sem marketing digital, é praticamente impossível a sobrevivência e relevância de seu e-commerce na web. 

E, mais uma vez, estamos falando de uma automação extremamente relevante, que pode afetar drasticamente a performance de sua loja virtual. Por que não optar por uma plataforma de e-commerce que já esteja pronta para otimizar o marketing de sua marca? 

Sim, existem plataformas de loja virtual que estão preparadas para otimizar suas ações de marketing. A Simplo7, por exemplo, é capaz de auxiliá-lo em mais de 20 recursos de marketing, que vão desde otimização de SEO até estratégias focadas em redes sociais e newsletters. Vale a pena conferir!

Relatórios e análises

A administração de seu e-commerce é feita totalmente online. Portanto, é imprescindível contar com a possibilidade de gerar relatórios e estar integrado a ferramentas de análise, para mensurar a performance do site. 

É fundamental que o empreendedor tenha acesso a todos os números relacionados ao e-commerce, para que consiga verificar sua performance e traçar as estratégias adequadas para a melhoria de sua operação. 

Uma boa plataforma de loja virtual irá oferecer esse tipo de integração, para que, em um mesmo ambiente, o empreendedor consiga gerar diversos tipos de relatórios que precisar para analisar seu negócio. Atente-se sempre às funcionalidades oferecidas pela plataforma que estiver pesquisando!

Qual é a melhor plataforma de E-commerce?

Não existe uma resposta só quando pensamos a respeito de qual seria a melhor plataforma de e-commerce. É fato que, a melhor plataforma de loja virtual é aquela que supre todas as demandas de sua empresa, ou pelo menos, a maioria delas. 

De qualquer forma, mesmo não havendo uma resposta pré determinada, existem alguns fatores cruciais que ajudam a perceber qual é a melhor plataforma para o seu e-commerce. Confira: 

Uma plataforma que tenha os recursos necessários para operação

Antes de tudo, é preciso que você conheça e entenda todos os processos e detalhes de sua operação. Com todos os seus processos devidamente planejados, você consegue definir quais são suas prioridades e, portanto, quais os recursos imprescindíveis para seu e-commerce. 

O planejamento de seu negócios deve ser a primeira de todas as etapas na criação de seu e-commerce. É impossível saber qual é a direção correta a tomar, quando não se sabe para onde vai. 

Sendo assim, antes de pesquisar pelas plataformas que possam atender ao seu e-commerce, conheça totalmente sua operação e enumere as principais funcionalidades que precisa. 

Uma plataforma que tenha planos de acordo com a sua necessidade

O planejamento financeiro também é fundamental, e essa questão também conta muito para a escolha da plataforma ideal para seu e-commerce.

Aqui, é preciso equilibrar com estratégia o custo versus os benefícios oferecidos. Se sua empresa estiver em fase inicial, será necessário investir em um plano mais acessível, até que suas vendas estejam em um ritmo mais avançado e você possa aumentar a estrutura. 

No entanto, é importante também optar por um plataforma que abarque diferentes estruturas de planos, para que não seja necessária uma migração posterior, quando seu e-commerce se tornar maior. 

Ou seja, procure optar por uma plataforma que ofereça planos desde os mais acessíveis, até os mais robustos, para garantir que ela possa se adequar a todas as possíveis alterações de sua empresa.  

Uma plataforma integrada de verdade

A maioria das plataformas de loja virtual disponíveis no mercado disponibilizam integrações com sistemas de gestão, logística e pagamentos. Porém, é preciso analisar bem quais são essas integrações. 

Contar com integração de sistemas obsoletos ou que sejam ineficazes para seu e-commerce não adiantará de nada para sua operação. Optar por plataformas que sejam realmente integradas, significa priorizar aquelas que oferecem a maior diversidade de integrações possível. 

Com tal variedade, sua empresa fica flexível e adaptável a mudanças que se fizerem necessárias. Caso precise alterar algum dos softwares que trabalha, estando em uma plataforma que integre com diversos sistemas, você estará mais seguro. 

Uma plataforma que facilite as vendas e divulgação

Conforme abordamos anteriormente, no e-commerce não existe a presença de um vendedor para orientar os clientes acerca das características e benefícios do produto apresentado. Esse papel, então, passa a ser exercido pela plataforma de loja virtual, que ficará responsável por toda a comunicação visual e orientação da jornada de compra. 

Portanto, a plataforma deve oferecer um layout claro e intuitivo, pelo qual os consumidores naveguem com facilidade, percebendo sempre quais devem ser os próximos passos. 

Além disso, tendo a plataforma integração com ferramentas de marketing, seu site passa a ser mais relevante e contar com recursos que serão muito úteis em suas estratégias de divulgação.  

Uma plataforma que tenha suporte humanizado

O empreendedor que opta por uma plataforma de loja virtual com estrutura já pronta, o faz, muitas vezes, porque não tem conhecimento prévio em TI ou programação de sites. Ou então, mesmo que o tenha, sabe que cuidar desse tipo de demanda tira o foco das outras principais áreas de gestão

Sendo assim, escolher uma plataforma que facilite sua rotina deve servir para facilitá-la de fato. Isso significa que a plataforma ideal também estará apta a prestar suporte técnico quando você precisar. 

Sua operação será totalmente digital e, como é de prever, as chances de falhas de sistema existem. Sabendo disso, é fundamental saber que, quando você tiver alguma dúvida ou problema no site, será atendido por um suporte humanizado e que seja capaz de compreender sua questão e resolvê-la. 

Quais são os custos de uma plataforma de e-commerce?

Os custos de uma plataforma de loja virtual variam de acordo com as necessidades e os recursos contratados pelo lojista. No entanto, existem diferentes formas de cobrança de plataformas para criação de loja virtual. Confira a seguir: 

Planos por quantidade de produtos

Algumas plataformas cobram de acordo com a quantidade de produtos cadastrados na loja virtual. Planos assim são interessantes para os empreendedores que estão iniciando seu negócio e possuem poucos produtos no catálogo. 

Contudo, ao passo que sua operação for aumentando e forem adicionados mais itens, pode se tornar um custo muito alto, tendo que ser substituído por outra modalidade de cobrança. 

Percentual sobre o subtotal do pedido pago

Outra forma de cobrança das plataformas de loja virtual é através de um percentual sobre o subtotal de pedidos pagos. Ou seja, em cima de um subtotal das vendas efetuadas e pagas, a plataforma cobra uma porcentagem pré definida. 

Esse modelo de cobrança pode ser interessante, dependendo da quantidade mensal de pedidos e/ou do ticket médio de suas vendas.  

Mensalidade dos recursos empregados

A mensalidade dos recursos empregados é a forma de cobrança mais utilizada. Neste formato, o lojista paga um valor fixo mensal e tem acesso a determinada quantidade de recursos, de acordo com o plano adquirido. 

Esse também pode ser um modelo interessante, justamente pela maior facilidade de administração financeira, já que trata-se de um custo fixo mensal. Com planos assim, o lojista consegue se programar melhor para considerar o custo da plataforma em seu orçamento mensal.

Por que escolher a Simplo7?

A Simplo7 é uma das empresas que oferecem plataforma para criação de lojas virtuais. Contando com dezenas de recursos fundamentais para o desenvolvimento de um bom site de e-commerce e planos acessíveis a diversos portes de empresa, trazemos a seguir os principais motivos para criar sua loja virtual com 30 dias grátis pela Simplo7: 

Suporte Humanizado

A Simplo7 oferece suporte humanizado a todos os lojistas cadastrados. Isso significa que, quando houver alguma dúvida sobre as funcionalidades da plataforma, ou então, caso ocorra algum problema sistêmico no site, você contará com a ajuda de especialistas que poderão auxiliá-lo. Nada de robôs ou atendimento automatizado!

Poder com Simplicidade

Apesar de contar com uma estrutura robusta, profissional e completa, a Simplo7 oferece todos os seus recursos de maneira simplificada e de fácil utilização para os lojistas. Inclusive para aqueles que não têm familiaridade com a área de programação de sites.

Ou seja, você tem às mãos as melhores funcionalidades, de forma simples e efetiva!

Personalização Avançada

Quando falamos em vendas pela internet, a identidade visual de sua marca é fundamental para sua estruturação, e a Simplo7 respeita isso. Por esse motivo, você conta com recursos avançados de personalização, para que sua loja virtual tenha a cara de sua marca e esteja organizada conforme suas necessidades

Integrada de Verdade

São dezenas de recursos de integração disponíveis para sua loja virtual. Com mais de 100 aplicativos e integrações, você conseguirá gerenciar todas as frentes de seu e-commerce em um só lugar, expandindo suas fronteiras.

Experimente criar sua loja virtual através da Simplo7 e confira todos os recursos que a plataforma tem à disposição, para ajudar seu e-commerce a crescer

Esperamos que nosso material possa ter ajudado a conhecer um pouco mais sobre como funciona uma plataforma de e-commerce e quais as principais ferramentas que ela precisa oferecer para sua loja virtual. 

Leia também sobre como estruturar uma equipe de vendas! Até mais!